Música para o cérebro e para o espírito

O nosso cérebro produz ondas electromagnéticas que podem ser medidas, assim como o som, em Hz (Hertz). Algumas pesquisas têm demonstrado que ondas sonoras de determinadas frequências podem afectar a frequência das ondas cerebrais. O som é constituído por alterações na pressão do ar sob a forma de ondas. As frequências que os ouvidos podem ouvir são limitadas a uma faixa específica de frequências. Descobriu-se que frequências audíveis tem a capacidade de afectar as nossas ondas cerebrais e ajudar-nos a entrar em determinados estados mentais que facilitam a meditação e melhoram os níveis de atenção, diminuindo o stress. Assim aqui fica uma sugestão de música para relaxamento, com uma frequência benéfica e tranquilizadora que nos ajuda a comunicar connosco e a olhar para dentro….

Outras sugestões: https://www.google.com/search?q=imagens+musicas+frequencias+do+amor&rlz=1C1DLLB_enPT760PT760&source=lnms&tbm=isch&sa=X&ved=2ahUKEwjB4pz2jYTmAhUHcBQKHRIeBh8Q_AUoAXoECAkQAw&biw=1366&bih=667#imgrc=5A6ucTwotnnBLM:

Partilhar!